Vantagens e desvantagens do Snapchat

O Snapchat tem dividido opiniões: alguns já se viciaram e amam o aplicativo de montão; outros tem repulsa e não querem nem ouvir falar; e uns, menos decididos, ficam se perguntando que diabos é isso sem entender direito porque os primeiros gostam tanto dele assim. E por escutar tantas perguntas a respeito do app amarelão do fantasminha camarada, eu resolvi fazer um post com minha experiência nesse quase um mês de uso.

snapchat-logo

Antes de listar prós e contras, vale dizer que o Snapchat não é nenhuma novidade. Ele já existe há muuuuito tempo e pode até ter sido o pioneiro em vazamento de vídeos sensuais e nudes por aí haha. Tudo isso porque quando ele foi lançado há anos atrás, ele era tido como o aplicativo mágico em que os vídeos e fotos apareciam por apenas 10 segundos e sumiam para “sempre”, e por isso fez muito sucesso especialmente em colégios e faculdades (não só para compartilhar pornografia, tá?). E aí que depois de passar por tantas redes sociais, parece que as pessoas já estavam ansiando por uma novidade e o Snapchat encontrou sua era de ouro no tempo dos vídeos. Celebridades e it bloggers aderiram (e acabaram promovendo) o app e agora ele volta com tudo, dominando geral.

O que acho mais bacana é que o aplicativo permite criar uma proximidade até com gente que você nunca teve (ou terá) contato, como artistas, cantores, blogueiros e afins. Como a maioria das pessoas posta sobre o seu dia a dia, de forma mais imediatista, você acaba conhecendo as pessoas mais intimamente e se identificando (ou não) com gostos, rotina, personalidade e tudo mais. Eu, por exemplo, já era fã da Thaila Ayala e agora me sinto quase uma BFF. Ela é super divertida e tenho certeza que se a gente se conhecesse seria brother hahaha. E me surpreende todos os dias o TANTO que ela COME.

Também é legal ver que essas pessoas que teoricamente estão fora do nosso alcance são mais normais do que a mídia sempre mostra. Amo ver atrizes e blogueiras acordando descabeladas e cheias de olheiras, com as unhas lascadas e uma dobrinha a mais na barriga que nunca apareceu no Instagram. Ajuda a lembrar que a gente vive num mundo de verdade, com pessoas de verdade. E num mundo onde as aparências ditam tudo, é importante um toque de lucidez sem photoshop.

Por outro lado, eu acho um pouco chato essa dependência de redes sociais que a gente cria. A gente acaba meio hipnotizado acompanhando os passos das pessoas que estão postando e também cria uma obrigação de postar alguma coisa toda hora. A Mandy, do Starving, fez Praga entrar na minha listinha de viagens a fazer porque acompanhei cada passo que ela dava e me apaixonei pela cidade. Mas ao mesmo tempo ficava pensando que saco devia ser fazer uma viagem com a obrigação de postar TUDO no snap. OK que ela deve fazer com o maior gosto para as leitoras e amigos, mas ainda assim deve ser meio boring. Eu já acho chato fazer as pessoas esperarem em um restaurante enquanto eu tiro foto de um prato para postar aqui no blog, pensa fazer seus companheiros de viagem esperarem o tempo todo para dar um oi ou uma diquinha aqui e acolá? Não é atoa que os namorados/maridos de blogueiras aparecem constantemente pedindo para elas pararem de filmar haha. Fora que tem gente que parece meio doido andando na rua falando pro celular, usando o braço de pau de selfie!

snapchat

No geral eu acho que as pessoas então vivendo muito para os outros e menos para si. Percebi isso no show do Backstreet Boys onde estava TODO mundo com celular na mão filmando, inclusive eu, que tanto tentei fazer snaps e não consegui, até me irritar e abandonar o celular. Eu queria taaaanto compartilhar com vocês que em alguns momentos eu mais olhava para o celular do que para o palco. Ainda bem que tive um choque de realidade a tempo de curtir a maior parte do show independente do bendito aplicativo.

Anyway, moral da história: se você seguir pessoas interessantes, que você curte de verdade – e isso vale para amigos, família e até mesmo ídolos – você pode viver bons momentos, reunir dicas e se aproximar um pouco da vida dessas pessoas de uma forma bacana. Em contrapartida, seguir gente chata é a treva, não rola mesmo! E se divirta muito na hora de postar, fazer vídeos, queimar o tédio assistindo aos dos outros… mas não deixe de viver sua vida para criar uma no snap. Limite e bom senso são tudo, e da para se divertir bastante sem deixar os melhores momentos de lado sem registro 😉

Uber: um novo conceito de transporte urbano

Há quem pense que um post desse é jabá, mas a recomendação é totalmente espontânea. Faz alguns dias que eu contei no Twitter o quanto curti a minha primeira viagem com o Uber e não podia deixar de contar tudo com mais detalhes para vocês.

Antes de mais nada, para quem não conhece, Uber é uma empresa de motoristas particulares que funciona através de um aplicativo de celular. Semelhante aos aplicativos de táxi, que já virarem febre em muitos lugares, o cliente insere o endereço onde está e chama um carro para levá-lo onde quiser. Assim como nos outros apps, é possível visualizar um mapa, o tempo de espera para o carro chegar, os dados do motorista e do carro que está vindo te buscar e até mesmo uma estimativa do valor de acordo com seu destino.

uber

O grande diferencial da Uber para os táxis em geral é que por se tratar de uma empresa de motoristas e não de taxistas afiliados, o serviço é mais sofisticado. Carros executivos, motoristas elegantes e uniformizados, ar condicionado, água… enfim, algumas frescurinhas que a gente acaba gostando. E o melhor? O preço é praticamente o mesmo! Em uma corrida de aproximadamente 2,5km paguei apenas R$ 13. Há quem pergunte se é mesmo necessário utilizar o Uber no dia a dia já que ele é visto como um “serviço de luxo”, e a minha resposta é: porque não? Se fosse mais caro, talvez não justificasse. Mas pagar praticamente a mesma coisa por um serviço de qualidade superior vale a pena sim.

A minha única ressalva é em relação à forma de pagamento, que é feita exclusivamente através de cartão de crédito. Enquanto para alguns cadastrar o cartão no aplicativo pode ser prático e moderno, para outros pode causar um incômodo e uma desconfiança em relação à segurança. Além de que existem aquelas pessoas que preferem pagar sempre no dinheiro e evitam usar o cartão de crédito no dia a dia. Acho que poderiam ser mais flexíveis em relação a isso e deixar o consumidor escolher a forma de pagamento!

uber

Sobre a polêmica gerada com os taxistas em algumas cidades brasileiras, tudo que sei é que o Uber acabou conquistando um público muito grande, roubando os clientes dos taxistas em função da qualidade do serviço. Até onde tenho conhecimento, a empresa tem reconhecimento mundial, atua em 58 países e tem uma frota diversificada para atender a diferentes públicos. Os taxistas alegam que os motoristas não são credenciados mas a explicação disso é simples: eles não possuem uma placa de táxi, mas são profissionais contratados de uma empresa de motoristas, como qualquer outra. Porém, essa empresa funciona através de um aplicativo de celular e tem um agendamento mais rápido.

Moral da história: Quem ainda é resistente com tecnologia e disponibilização de alguns dados no celular, pode desconfiar da brincadeira toda. Mas quem já se acostumou com os aplicativos de transporte, aceita que daqui a pouco vai viver em Minority Report (risos) e busca serviços diferenciados, pode baixar o Uber agora: Android | IOS | Windows.

E tem mais! Se quiser R$ 20 reais de crédito para experimentar os serviços, basta incluir o código promocional 1glv8 ao chamar o seu primeiro carro 😉 De nada hihihi.

Kayak: Um plano completo de viagem no seu celular

Daqui pra frente vocês vão ouvir muito de viagem e de preparativos para encarar a neve rs. Espero que a quantidade de posts sobre o assunto ajude quem assim como eu está planejando as próximas férias! A dica hoje é mais do meu namorado do que minha, porque foi em uma viagem que ele fez no ano passado que descobriu um aplicativo que ganhou meu coração e vai ser nosso companheiro em Ushuaia e Buenos Aires (contei mais sobre isso nesse post aqui!): o Kayak.

kayak-app-viagem

Kayak é na verdade uma empresa de tecnologia que tem como objetivo otimizar a pesquisa de viagens online. Ele reúne centenas de sites de todo o mundo e permite que os usuários façam comparações de voos, hotéis e locação de carros com apenas um clique. Além disso, é possível escolher onde fazer sua reserva, o que muitos sites concorrentes não permitem.

kayak-app-viagem

Mas o que mais me interessou é uma função chamada “My Trips” (ou “Minhas Viagens”, em português”). Ali o aplicativo reúne todas as suas informações de reservas, com data, horário, endereço, nome do responsável, valores e tudo mais. Mesmo que você já tenha feito a reserva em outro site que não seja o Kayak, basta enviar o e-mail de confirmação do voo ou hotel que o aplicativo confirma a sua reserva. Em apenas um lugar, você tem um calendário com todos os trechos e informações da viagem, incluindo uma “folha de endereço” para mostrar aos taxistas e transfers e facilitar a comunicação. O aplicativo é tão massa que ainda te avisa se seu voo está atrasado ou se teve qualquer outro tipo de problema.

kayak-app-viagem

Vale a pena baixar: IOS | Android | Windows | Kindle Fire

Alguém já conhecia?

The Sims: Expansão “Retiro ao ar livre”

O primeiro pacote de jogo do The Sims 4 já está disponível e, como boa simaníaca que sou, não consegui esperar muito para baixar. Para quem não sabe, eu uso o Origin, um software onde a EA Games disponibiliza todos os seus jogos para compra e download sem precisar de nenhum CD. Super prático e sem pirataria 😉

the-sims-retiro-ao-ar-livre

Bom, falando do que interessa, a expansão Retiro ao Ar Livre traz um novo mundo para o jogo, onde os sims podem explorar novas aventuras no mato, curtindo a natureza. Granite Falls é um destino de férias onde eles podem acampar, reunir em volta de fogueiras e fazer trilhas.

the-sims-retiro-ao-ar-livre-acampamento

Joguei apenas por algumas horas então acredito que ainda falta muita coisa para descobrir sobre o game, mas vamos às primeiras impressões:

  • Como toda boa expansão, o pacote vem com roupas específicas de acampamento e móveis rústicos. Tem muita coisa bacana em madeira, além de suprimentos portáteis como barracas, luminárias, mesas e caixas térmicas. E quem não quer ficar alternando entre os mundos pode montar um acampamento em casa!
  • Quem não quiser acampar tem quatro casas de campo à disposição para alugar. Tem chalés que abrigam toda a família e pequenos alojamentos, com preços mais em conta.
  • Um novo mundo de atividades: o novo destino chega com vários tipos de interações diferentes. Os sims podem se divertir fazendo trilhas, olhando as estrelas, jogando ferraduras, contando histórias de terror ou assando marshmellows.
  • Os sims podem colher plantas silvestres e desenvolver a habilidade de herbalismo, nova na expansão. Com as ervas certas, eles criam poções uteis como repelente de insetos ou tônicos relaxantes. Essa habilidade também ajuda a identificar quais plantas são venenosas ou comestíveis.
  • Quando lançaram o trailer do game, focaram muito nos ursos que conviviam entre os sims e eu achei que a qualquer momento eles poderiam invadir o acampamento em busca de comida. Mas eles são nada mais, nada menos, que fantasias que qualquer sim também pode usar. Mas pode funcionar muito bem para assustar as outras pessoas, principalmente se seu personagem é travesso.
  • Novos objetos colecionáveis: peixes, insetos, rãs e plantas. Seu sim tem muita coisa para explorar e descobrir nesse novo mundo. (Aliás, isso vira um vício na quarta versão do jogo. Meu objetivo de vida é conseguir concluir pelo menos algumas das várias coleções rs).
  • É possível escolher quantos dias os seus sims vão ter de férias. Se eu não me engano, são de três a sete dias, e você ainda tem a possibilidade de prorrogar, se quiser. Dá para levar toda a família ou deixar alguns sims em casa (não se esqueça de deixar a autonomia deles ativada, ou eles provavelmente morrerão de fome rs). Seu sim continua recebendo o salário durante esse período.

No geral a expansão é bem divertida. Eu adoro quando vem mundos novos que permitem explorar novos lugares e trazem novas interações. Só fiquei mesmo decepcionada com os ursos rs. Pretendo levar meus sims de volta à Granite Falls e qualquer novidade faço um update para vocês 😉

Quem aí também é simaníaco?

Fotos: Site Oficial The Sims

Vocês conhecem o Bloglovin’?

Quantos blogs você conhece? E quantos acessa (ou gostaria de acessar) todos os dias? Nessa brincadeira, quantos você acaba esquecendo de espiar durante a semana? Tenho certeza que muita gente respondeu todas essas perguntas com “muitos”. Antes de blogueira eu também sou leitora e também gosto de acompanhar alguns sites com certa frequência, mas na correria do dia a dia, se o Instagram ou o Facebook não pregam as novidades na minha cara, eu acabo não vendo.

Pois já faz um tempo que tenho usado o Bloglovin’, um portal que permite que você reúna todos os blogs de seu interesse em um único espaço. Ele é atualizado em tempo real e assim que os seus blogs favoritos publicarem alguma matéria nova, ela já vai para o seu feed de notícias do Bloglovin’.

logo-bloglovin1

Confesso que uso pouco o site através do computador, mas já virei addicted ao aplicativo de celular. É muito prático! Basta procurar o blog de seu interesse e começar a seguir. Depois disso você ainda consegue marcar os posts lidos ou não lidos, facilitando a organização de tudo que você ainda não viu e tudo que você não precisa acessar mais.

bloglovin

Gostou? Então baixe seu app (Android, IOS ou Windows), siga o Sistemáticas e boa leitura 🙂