Filme: 12 anos de escravidão

Nesse último final de semana assisti a um filme que estava na minha lista há séculos e sempre o evitava por “não estar no clima” para uma história tão triste, mesmo ele tendo recebido o Oscar de Melhor Filme e Melhor Roteiro Adaptado este ano. Hoje percebi que ninguém nunca vai estar preparado para encarar 12 Anos de Escravidão (12 Years a Slave).

12-anos-de-escravidao-12-years-a-slave

Baseado em uma história real, de um livro homônimo e biográfico, o drama se passa nos EUA de 1841 e conta a história de Solomon Northup (Chiwetel Ejiofor), um negro norte-americano livre, músico e pai de família, que é sequestrado após cair em um golpe, aprisionado e enviado ilegalmente para o Sul, onde se torna escravo durante 12 anos, sem nenhuma prova de sua liberdade além da sua palavra – que nada valia naquela época.

12-years-a-slave-12-anos-de-escravidao

Ao contrário de Django Livre, 12 Anos de Escravidão é um longa que extrapola os limites da sensibilidade, onde o diretor Steve McQueen não usa da violência como plano principal para relatar todo o sofrimento vivido por esse povo no século XIX. Ele consegue transmitir pelos olhos de seus personagens cada gota de dor, agonia e esperança que eles carregavam dia após dia, assim como toda a indiferença e sangue frio dos brancos com eles.

Entretanto, ainda que raras e nunca exibidas de um ângulo só, existem cenas absurdamente chocantes que arrancam um pouquinho da nossa alma a cada ato de agressão contra os negros. Lupita N’yongo, que interpreta Patsy, tem seu Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante justificado em cenas intensas que terminam em lágrimas e fazem transbordar a compaixão.12-anos-de-escravidao-12-years-a-slave-1

Faltam palavras para descrever o sentimento que fica após ver um filme que relata uma realidade tão triste. E dá desgosto saber que existiram (e o pior, ainda existem!) pessoas que tenham a coragem de praticar atos tão desumanos com outro ser humano. Só resta uma salva de palmas a McQueen, que nos traz um lamentável choque de realidade de forma tocante com um elenco de primeira, que além de Ejiofor e Lupita, conta com Benedict Cumberbatch, Paul Dano, Paul Giamatti e Brad Pitt.

Quem já viu? O que acharam?

Anúncios

Comente!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s